S&P eleva Portugal e vê poucas mudanças após eleição

sexta-feira, 18 de setembro de 2015 14:37 BRT
 

LISBOA (Reuters) - A agência de classificação de riscos Standard & Poor's elevou o rating de Portugal nesta sexta-feira para logo abaixo o grau de investimento, alinhando-se às duas outras principais agências, citando uma recuperação estável ao mesmo tempo em que espera poucas mudanças após a eleição do próximo mês.

Portugal, que livrou-se de um resgate internacional no ano passado com a economia crescendo de novo após três anos de recessão provocados por austeridade e crise de dívida, é agora classificado como "BB+" com perspectiva estável pela Standard & Poor's, um degrau acima da classificação anterior de "BB" atribuída em 2012.

A Moody's Investor Service e a Fitch Ratings também classificam Portugal um degrau abaixo do grau de investimento, que o país perdeu em 2011 quando a crise da dívida e no governo forçaram o país a buscar o resgate.

"A elevação reflete nossa visão da recuperação econômica constante, sustentada por uma melhora gradual nas condições do mercado de trabalho", disse a agência em comunicado.

(Reportagem de Andrei Khalip)