China quer ampliar papel do Partido Comunista na reestruturação de estatais

domingo, 20 de setembro de 2015 11:16 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - O Comitê Central do Partido Comunista da China disse acreditar que o partido deve reforçar o seu papel na reestruturação das empresas estatais, de acordo com a agência de notícias oficial Xinhua.

A China revelou detalhes na semana passada de como pretende reformar seu gigantesco setor empresarial estatal, incluindo a privatização parcial como uma medida de reestruturação, no momento em que a segunda maior economia do mundo mostra sinais de desaceleração.

"Devemos inabalavelmente aderir à liderança do partido em empresas estatais e fortalecer inabalavelmente a construção do partido nas empresas estatais", afirmou o Comitê Central, segundo a agência Xinhua.

A reestruturação das empresas estatais de baixo desempenho é uma das questões mais prementes da China. Se mal gerenciada, a reestruturação pode levar ao desemprego de centenas de milhares de pessoas e à instabilidade social.

"Atualmente, a reforma das empresas estatais está em um estágio crucial... a liderança do partido deve ser reforçada, não enfraquecida", reportou a Xinhua, observando que a liderança é fundamental para o êxito da reforma do setor.