Preço do petróleo nos EUA tem alta de mais de 4% por aposta em estoques menores

segunda-feira, 21 de setembro de 2015 16:46 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo dispararam nesta segunda-feira, com o produto negociado nos Estados Unidos subindo mais de 4 por cento por sinais de declínio nos estoques, menor atividade de sondas que pode reduzir a produção futura e um salto nos contratos futuros da gasolina que impulsionou o complexo geral de energia.

O Brent, referência global para o petróleo, ganhou 3 por cento, e seu prêmio em relação ao petróleo nos EUA se estreitou abaixo da marca psicológica de 2 dólares por barril, conforme os fundamentos do petróleo nos EUA melhoraram em relação ao Brent.

O primeiro contrato do petróleo nos EUA subiu 2 dólares, ou 4,5 por cento, a 46,68 dólares por barril.

Já o primeiro contrato do Brent encerrou em alta de 1,45 dólar, ou 3,1 por cento, a 48,92 dólares por barril.

Os operadores de petróleo também focaram no primeiro contrato do West Texas Intermediate (WTI, na sigla em inglês), que expirará em breve e serve como uma referência nos EUA.

(Por Barani Krishnan; reportagem adicional por Christopher Johnson e Henning Gloystein)