BTG Pactual vai incorporar equipe de metais da Gold Matrix, de Cingapura

terça-feira, 22 de setembro de 2015 07:42 BRT
 

MELBOURNE (Reuters) - O BTG Pactual vai incorporar uma equipe de operadores de negociações com metais da Gold Matrix Resources, de Cingapura, à medida que centraliza sua operação com commodities na cidade-Estado e leva seu serviço ligado a metais para a Ásia, disseram duas fontes nesta terça-feira.

Espera-se que a medida ajude o banco a expandir sua presença no sudeste da Ásia e na Índia sob a liderança do diretor administrativo para a Ásia, Ronen Arielly.

O banco tem ampliado uma investida no setor de commodities que está em andamento desde o fim de 2012, conforme aproveita obstáculos regulatórios que rivais maiores enfrentam em Wall Street.

Arielly trabalhou anteriormente como diretor global de metais ferrosos na negociadora de commodities Trafigura, segundo seu perfil no LinkedIn.

A Gold Matrix é uma pequena trading de metais com fortes ligações com o sudeste da Ásia e Índia, estabelecida pelo diretor administrativo, Pinaki Rath, em Cingapura há uma década, bem antes de a cidade-Estado ter construído sua agora considerável reputação como centro de negociação de commodities.

Seus quatro operadores devem passar a integrar o BTG Pactual. A empresa é uma associada da London Metal Exchange.

Funcionários do BTG Pactual e da Gold Matrix em Cingapura não quiseram comentar o assunto.

(Por Melanie Burton)