Volkswagen vai cortar meta de lucro e faz provisão de 6,5 bi de euros por escândalo

terça-feira, 22 de setembro de 2015 08:26 BRT
 

BERLIM (Reuters) - A Volkswagen vai cortar sua meta de lucro, enquanto separa cerca de 6,5 bilhões de euros no terceiro trimestre para cobrir custos relacionados ao escândalo de emissões de diesel nos Estados Unidos e outros mercados.

O montante de provisões de que necessita ainda pode mudar conforme continua a investigação, disse a montadora nesta terça-feira.

"As metas de lucro para o grupo em 2015 serão ajustadas adequadamente", disse a VW, sem fornecer detalhes.

A maior montadora da Europa previu anteriormente uma margem operacional entre 5,5 e 6,5 por cento neste ano, ante 6,3 por cento em 2014.

A VW, que enfrenta penalidades que podem chegar a 18 bilhões de dólares nos EUA após admitir ter fraudado testes de emissões de carros a diesel, disse nesta terça-feira que investigações internas mostraram que o software de controle de emissões relevantes também foi usado em outros modelos.

A companhia disse que as provisões que está separando são para cobrir medidas de serviços resultantes do escândalo de emissões, assim como "outros esforços para recuperar a confiança de nossos consumidores", mas não disse se parte do dinheiro pode ser direcionado para potenciais penalidades que terá que pagar.

(Por Andreas Cremer)