PMI preliminar da indústria da China cai à mínima em 6 anos e meio

quarta-feira, 23 de setembro de 2015 07:28 BRT
 

Por Meng Meng e Kevin Yao

PEQUIM (Reuters) - A atividade do setor industrial da China encolheu inesperadamente para uma mínima de seis anos e meio em setembro, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês), levantando temores de uma desaceleração mais forte na segunda maior economia do mundo que pode provocar mais turbulência nos mercados financeiros.

O PMI preliminar Caixin/Markit de indústria caiu para 47,0 em setembro, pior leitura desde março de 2009 e abaixo das expectativas do mercado de 47,5 e da marca de 47,3 de agosto. Níveis abaixo de 50 indicam contração.

Com isso a atividade industrial da China encolhe há sete meses seguidos, e a pesquisa mais recente mostra que as condições em setembro se deterioraram em relação ao mês anterior em todas as métricas, com as empresas cortando produção, preços e empregos a um ritmo mais rápido diante da queda das encomendas.

"O PMI mais fraco que o esperado sugere que a demanda doméstica e externa permaneceu fraca. É quase certo que o crescimento econômico da China cairá abaixo de 7 por cento no segundo semestre deste ano", disseram economistas do Minsheng Securities.