Maioria das ações recua diante de persistente ansiedade com crescimento global

quinta-feira, 24 de setembro de 2015 07:54 BRT
 

Por Shinichi Saoshiro e Hideyuki Sano

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas tiveram baixa em sua maioria nesta quinta-feira diante das preocupações com a China e os Estados Unidos, o que aumenta a pressão sobre os ativos de risco.

Às 7h46 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão operava com baixa de 0,43 por cento, após ter registrado a maior queda diária em quase um mês no dia anterior.

As preocupações de que um eventual aperto da política monetária dos Estados Unidos e a desaceleração do crescimento da China possam afetar a economia global assustaram os investidores, particularmente aqueles que investiram em ações e commodities.

As ações de Xangai reduziram os ganhos e fecharam as operações com alta de 0,89 por cento, refletindo como a confiança do investidor na economia permanece instável.

O Nikkei do Japão, que teve operações nesta quinta-feira pela primeira vez na semana após uma sequência de feriados nacionais. As ações das montadoras japonesas caíram em uma reação tardia ao escândalo da Volkswagen.

"Os investidores ficarão cautelosos por enquanto. Os mercados irão se tornar mais estáveis apenas quando as incertezas sobre a economia da China e a política monetária norte-americana diminuírem", disse o estrategista sênior da Mitsui Asset Management Masahiro Ichikawa.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 2,76 por cento, a 17.571 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,97 por cento, a 21.095 pontos.   Continuação...