Wall St fecha em queda, pressionada por ações da Caterpillar e de saúde

quinta-feira, 24 de setembro de 2015 18:28 BRT
 

Por Sinead Carew

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quinta-feira, em meio a incertezas sobre a política monetária dos Estados Unidos e o crescimento global, e com a peso pesado do mercado Caterpillar cortando sua projeção de vendas e os investidores abandonando papéis do setor de saúde.

O índice Dow Jones caiu 0,48 por cento, a 16.201 pontos, enquanto o S&P 500 recuou 0,34 por cento, a 1.932 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq fechou em queda de 0,38 por cento, a 4.734 pontos.

Dos 10 índices setoriais do S&P 500, seis caíram nesta sessão, com destaque para o de saúde, que liderou a queda do S&P e levou o setor de biotecnologia do Nasdaq a recuar 2,8 por cento. Os dois índices tiveram a quinta sessão seguida de perdas.

Apesar de os índices terem reduzido as perdas durante a tarde, investidores estavam cautelosos no aguardo do discurso da chair do Federal Reserve, banco central dos EUA, Janet Yellen, que poderia dar pistas sobre o momento de alta de juros nos EUA.

As ações da Caterpillar, a maior fabricante mundial de equipamentos de construção e mineração, caíram 6,3 por cento, a 65,80 dólares, sendo a principal influência negativa para o Dow Jones e a terceira para o S&P 500. A Caterpillar anunciou que vai cortar até 10 mil postos de trabalho conforme enfrenta condições desafiadoras em regiões importantes e nos setores de mineração e energia.

"A notícia (da Caterpillar) não está ajudando, é emblemático de uma economia mais fraca", disse o estrategista-chefe para mercado da U.S. Trust, Joseph Quinlan.