Vendas estatais de milho da China têm menor volume semanal do ano

sexta-feira, 25 de setembro de 2015 10:24 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China encontrou compradores para apenas 0,7 por cento das cerca de 5,4 milhões de toneladas de milho ofertado pelo Estado esta semana, o menor volume até agora no ano, após Pequim reduzir o preço de suporte para nova safra.

O governo vendeu 35.861 toneladas de milho a um preço médio de 2.271 iuanes (356,31 dólares) por tonelada, de acordo com resultados de licitações publicadas pela plataforma de negociação online de grãos do país.

O volume caiu ante as 119.301 toneladas vendidas na semana passada a um preço médio de 2.302 iuanes por tonelada.

Os preços futuros domésticos do milho caíram para o mais baixo nível em cinco anos, na expectativa de que a oferta doméstica seja suficiente, com Pequim possivelmente estocando menos milho este ano.

O governo também reduziu seu preço de compra em cerca de 10 por cento para 2015/16, pela primeira vez desde 2008.

Pequim vendeu um total de 4,03 milhões de toneladas de milho este ano, apenas 3,9 por cento do total oferecido, com processadores voltando-se para o cereal importado ou substitutos mais baratos.

(Reportagem de Niu Shuping)