Na ONU, Dilma diz que Brasil não possui problemas estruturais e tem como superar as dificuldades

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 12:12 BRT
 

(Reuters) - A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira, em discurso na Assembleia-Geral da ONU, que o Brasil atravessa problemas conjunturais, e não estruturais, e tem condições de superar as dificuldades, pois a economia é mais forte do que há alguns anos.

Primeira chefe de Estado a discursar na 70ª Assembleia-Geral, Dilma reiterou apelo por uma reforma no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas para promover a inclusão de novos países membros, permanentes e não permanentes.

(Texto de Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

 
Presidente Dilma Rousseff durante discurso na Assembleia-Geral da ONU, em Nova York.  28/09/2015    REUTERS/Mike Segar