Escândalo de emissões da Volkswagen afeta 1,8 mi de comerciais leves, diz jornal

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 17:56 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - Os comerciais leves da Volkswagen respondem por 1,8 milhão do total de 11 milhões de veículos a diesel envolvidos no escândalo de fraude de testes de emissões de poluentes, disse um porta-voz da área de veículos comerciais da montadora a um jornal alemão.

A marca VW, cujos modelos incluem as vans de entrega Transporter e Caddy, planeja apresentar a autoridades nas próximas semanas medidas técnicas a serem tomadas para os veículos afetados pela fraude, disse o jornal Hannoversche Allgemeine Zeitung, citando o porta-voz no resumo de um artigo que será publicado na terça-feira.

Após isto, levará semanas para implementar as medidas nos carros dos clientes, disse ele.

A Volkswagen disse semana passada que cerca de 11 milhões de carros foram afetados pelo escândalo de fraude nos testes de emissões de motores a diesel.

A Audi, marca premium da Volkswagen, disse mais cedo nesta segunda-feira que 2,1 milhões de carros foram equipados com o software que permitiu a fraude dos testes nos Estados Unidos.