Setor privado dos EUA cria 200 mil postos de trabalho em setembro, diz ADP

quarta-feira, 30 de setembro de 2015 10:15 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O setor privado dos Estados Unidos criou 200 mil postos de trabalho em setembro, superando as expectativas dos economistas e sugerindo que pode haver crescimento suficiente do mercado de trabalho para que o banco central norte-americano eleve a taxa de juros este ano.

Economistas consultados pela Reuters esperavam que o Relatório Nacional de Emprego da processadora de folhas de pagamento ADP mostraria um aumento de 194 mil empregos. O número de vagas criadas em agosto pelo setor privado foi revisado para baixo a 186 mil, ante aumento de 190 mil divulgado anteriormente.

O relatório é desenvolvido com a Moody`s Analytics. Os números da ADP vieram antes dos dados mais amplos do mercado de trabalho fora do setor agrícola do Departamento do Trabalho dos Estados Unidos que incluem tanto o setor público quanto o privado, que serão divulgados na sexta-feira.

Economistas consultados pela Reuters projetaram que os empregadores norte-americanos contrataram 203 mil trabalhadores em setembro, melhor do que o aumento de 173 mil de agosto, que foi o menor em cinco meses. A taxa de desemprego tem previsão de permanecer estável em 5,1 por cento, próxima da mínima de sete anos e meio.