China repete cotas de importação de trigo e milho em 2016

quarta-feira, 30 de setembro de 2015 11:26 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China estabeleceu cotas de importação com impostos reduzidos em 2016 para trigo, milho, arroz e algodão, informou a Comissão Nacional para Desenvolvimento e Reforma nesta quarta-feira, com volumes iguais aos aprovados para 2015.

A cota ficou em 9,636 milhões de toneladas para trigo, 7,2 milhões de toneladas para milho e em 5,32 milhões de toneladas para arroz.

A cota do algodão é de 894 mil toneladas, segundo publicação da comissão em sua página na internet (www.ndrc.gov.cn).

(Por Chen Aizhu)