Estadão diz que MP do governo Lula foi "comprada" por lobby de montadoras

quinta-feira, 1 de outubro de 2015 09:05 BRT
 

(Reuters) - Uma medida provisória emitida pelo governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2009 prorrogando descontos no IPI de carros foi "comprada" por meio de lobby e corrupção para favorecer montadoras, segundo reportagem do jornal O Estado de S. Paulo nesta quinta-feira.

A reportagem relata que documentos obtidos pelo jornal revelam que empresas negociaram pagamento de até 36 milhões de reais a lobistas para conseguir a aprovação da medida prorrogando incentivos fiscais de 1,3 bilhão de reais por ano.

 
Ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva durante evento em São Paulo.  03/07/2014   REUTERS/Nacho Doce