Ministro saudita do petróleo diz que produtores de baixo custo irão prevalecer

segunda-feira, 5 de outubro de 2015 13:53 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O ministro do Petróleo da Arábia Saudita, Ali al-Naimi, acredita que produtores de baixo custo irão prevalecem sobre os de maior custo e que a participação de mercado da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) vai aumentar, segundo publicou nesta segunda-feira o jornal Economic Times, da Índia.

Em comentários que sugerem que a Arábia Saudita, maior exportador de petróleo do mundo, está mantendo sua política de defesa de participação de mercado, em vez de apoiar os preços, Naimi disse ao jornal que a queda nos valores do petróleo é um problema menor do que as flutuações.

"O mundo precisa de um suprimento confiável, sustentável. A melhor maneira de fazer isso é ter certeza de que a demanda e a oferta sejam iguais, e então não haverá flutuação de preço. O maior problema de hoje para todos, produtores e consumidores, é a flutuação --os altos e baixos ", afirmou o ministro, na reportagem publicada no site do jornal.

Referindo-se às notícias de que o número de sondas de perfuração em operação nos Estados Unidos está caindo, Naimi afirmou: "Eventualmente, os produtores econômicos continuarão a prevalecer", de acordo com o jornal.

Naimi não concordou com analistas que acreditam que a participação de mercado da Opep irá cair ainda mais, segundo o jornal. "Pelo contrário, a cota da Opep será maior", disse ele.

(Reportagem de Alex Lawler)