Bolsas nos EUA sobem com investidores apostando em alta dos juros somente no próximo ano

segunda-feira, 5 de outubro de 2015 18:19 BRT
 

Por Sinead Carew

(Reuters) - O mercado acionário dos Estados Unidos fechou em alta na segunda-feira, com o S&P 500 avançando pela 5ª sessão seguida pela primeira vez este ano, conforme o avanço nos preços do petróleo impulsionou ações de energia e com investidores apostando que o Federal Reserve, banco central dos EUA, não elevará a taxa de juros este ano.

O índice Dow Jones subiu 1,85 por cento, a 16.776 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 1,83 por cento, a 1.987 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 1,56 por cento, a 4.781 pontos.

O S&P 500 acumulou alta de 5,6 por cento em cinco dias, no melhor desempenho para o período desde o fim de 2011. Nesta segunda-feira, ações dos setores industrial, de energia, telecomunicações e de matéria-prima tiveram fortes ganhos.

Os dados de sexta-feira do mercado de trabalho para setembro mostraram desaceleração no crescimento do emprego nos últimos três meses nos EUA, aumentando as perspectivas de que a era de taxas de juros perto de zero vai continuar por enquanto.

"O dado abaixo do esperado do mercado de trabalho significa que o Fed provavelmente vai manter (os juros) por mais tempo", disse o diretor de investimento do Wedbush Equity Management LLC, Stephen Massocca.

Operadores veem uma chance de 31 por cento de alta de juros em dezembro, abaixo dos 44 por cento vistos antes dos dados sobre o mercado de trabalho, segundo o programa FedWatch, da CME Group.

Todos os 10 principais índices do S&P 500 fecharam em alta. A principal influência para a alta de 3 por cento no índice industrial foi das ações da General Electric, que subiram 5,3 por cento depois que o Trian Fund Management, do investidor Nelson Peltz, divulgou participação de cerca de 1 por cento na empresa.

As ações de energia subiram 3 por cento, impulsionadas pela alta de 1,6 por cento nos preços do petróleo nos EUA.