Bancários entram em greve no país a partir de 3a-feira, diz sindicato

segunda-feira, 5 de outubro de 2015 18:53 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Os bancários de todo o país devem entrar em greve a partir desta terça-feira por tempo indeterminado, após patrões e empregados não chegarem a um acordo salarial, afirmou o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, nesta segunda-feira.

O sindicato de trabalhadores pede reajuste salarial de 16 por cento, além de ajuste de benefícios como vale-refeição e vale-alimentação, além de décimo quarto salário anual. A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), braço sindical do sistema financeiro que representa os associados em todas as questões trabalhistas, propôs aumento de 5,5 por cento. Já foram realizadas cinco rodadas de negociações desde 11 de agosto.

Durante o período de greve, os caixas de autoatendimento vão continuar funcionando para atender à população, afirmou o sindicato.

(Por Aluísio Alves)