Invepar diz que negocia venda de 10% de fatia no aeroporto de Guarulhos

terça-feira, 6 de outubro de 2015 08:38 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa de infraestrutura Invepar informou que está em fase final de negociação para a venda de 10 por cento de sua participação no consórcio que administra o aeroporto de Guarulhos (SP) para sua parceira na sociedade, a Airports Company South Africa (ACSA).

Após concretizada a operação, a Aeroporto de Guarulhos Participações (GRUPar), que detém 51 por cento do capital social da concessionária do aeroporto de Guarulhos, passará a ter 80 por cento de seu capital detidos pela Invepar e 20 por cento detidos pela ACSA, informou a Invepar na noite de segunda-feira. O restante do capital da concessionária é detido pela Infraero.

A ACSA opera aeroportos como o de Joanesburgo, na África do Sul.

Com o negócio, a ACSA exerce opção de compra de ações da Invepar prevista em memorando de entendimentos firmado entre as empresas na época em que formaram consócio para participar no leilão do aeroporto.

A Invepar tem entre seus acionistas um braço da OAS, cuja controladora está sob recuperação judicial. A OAS está no grupo de empreiteiras que buscaram proteção contra credores após desdobramentos da operação Lava Jato, o que teve como consequências restrição a financiamentos e queda da receita.

Em agosto, executivos da OAS informaram a jornalistas que haviam sido recebidas cinco propostas por uma fatia na companhia de infraestrutura. A melhor das propostas não-vinculantes havia oferecido 2 bilhões de reais pela fatia de 24,4 por cento da OAS na Invepar.

(Por Priscila Jordão)

 
Vista aérea do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.  13/02/2015 REUTERS/Paulo Whitaker