Bovespa tem sexta alta seguida após sessão volátil; Petrobras sobe 5%

terça-feira, 6 de outubro de 2015 17:54 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com o seu principal índice em leve alta nesta terça-feira, após sessão volátil, com as ações da Petrobras em destaque na ponta positiva diante da disparada do preço do petróleo e após anúncio de corte de gastos e investimentos pela estatal.

O Ibovespa subiu 0,29 por cento, a 47.735 pontos, no sexto pregão consecutivo no azul, maior sequência de altas desde agosto de 2014. O giro financeiro totalizou 6,4 bilhões de reais.

A falta de um rumo definido em Wall Street, com o S&P 500 fechando em queda após cinco altas e o Dow Jones em leve alta, e as perspectivas desfavoráveis do Fundo Monetário Internacional (FMI) para a economia global contribuíram para a falta de tendência na Bovespa.

A pauta política local não trouxe eventos relevantes, com a análise pelo Congresso Nacional de vetos da presidente Dilma Rousseff sendo adiada para quarta-feira, quando o Tribunal de Contas da União (TCU) também deve julgar as contas do Executivo em 2014.

DESTAQUES

=PETROBRAS fechou com alta de 5,21 por cento nas ordinárias e de 4,73 por cento nas preferenciais, em meio à forte alta dos preços do petróleo. A estatal anunciou na véspera redução de 16 por cento na previsão de gastos operacionais e investimentos para 2015 e 2016, devido à queda nos preços de petróleo e à desvalorização do real frente ao dólar. Ainda repercutiu notícia de que a holandesa SBM vai pagar 1 bilhão de reais à estatal como parte de um acordo de leniência a ser assinado nos próximos dias, conforme informou o jornal O Globo.

  Continuação...