Receita líquida do Grupo Pão de Açúcar sobe 2,7% no 3º tri

terça-feira, 13 de outubro de 2015 09:28 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Grupo Pão de Açúcar teve receita líquida de 16,1 bilhões de reais no terceiro trimestre, avanço de 2,7 por cento na comparação com o mesmo período do ano passado, com a queda das vendas da Via Varejo sendo compensada pela alta no atacarejo Assaí e no segmento de comércio eletrônico, informou nesta terça-feira.

A receita do segmento alimentar subiu 7,3 por cento, para 8,85 bilhões de reais, impulsionada pela alta de 22,3 por cento no faturamento do atacarejo Assaí e de 2,1 por cento no Multivarejo, que inclui as bandeiras Pão de Açúcar e Extra.

Por outro lado, o resultado operacional foi negativamente afetado pelo desempenho da Via Varejo, dona das marcas Casas Bahia e Ponto Frio, cujo faturamento caiu 22,7 por cento no terceiro trimestre em bases anuais, para 4,1 bilhões de reais.

Já a Cnova, que reúne ativos de comércio eletrônico do francês Casino e também do Pão de Açúcar, teve avanço de 48,6 por cento de sua receita líquida, para 3,13 bilhões de reais.

As vendas no conceito mesmas lojas (abertas há mais de 12 meses) consolidadas caíram 2,6 por cento no mesmo período, de acordo com o grupo varejista. Já no segmento alimentar as vendas mesmas lojas subiram 3,3 por cento, 23,9 por cento na Cnova, enquanto as da Via Varejo caíram 24,6 por cento.

"O atual ambiente macroeconômico tem se tornado mais desfavorável ao consumo ao longo do ano", disse o GPA em comunicado ao mercado. "Enquanto o segmento alimentar demonstra maior resiliência, o segmento de não alimentos (Via Varejo e Cnova) está sendo mais impactado", completou.

(Por Luciana Bruno)