Ações caem após inflação fraca na China

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 07:46 BRT
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas cambalearam nesta quarta-feira, ampliando as perdas após a inflação na China enfraquecer mais do que o esperado, alimentando preocupações sobre as pressões deflacionárias na segunda maior economia do mundo.

7h38 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 0,56 por cento, enquanto o índice Nikkei do Japão encerrou as operações com queda de 1,9 por cento.

O índice de preços ao consumidor da China avançou 1,6 por cento em setembro em comparação com o ano anterior, disse a Agência Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês), ficando um pouco abaixo da expectativa de 1,8 por cento e abaixo dos 2 por cento de agosto.

As ações chinesas terminaram em queda, com o índice de blue-chips recuando 1,13 por cento e o índice de Xangai com queda de 0,95 por cento.

Mais cedo nesta quarta-feira, a Autoridade Monetária de Cingapura disse que vai afrouxar sua política monetária pela segunda vez neste ano ao reduzir o ritmo de valorização da moeda local. O movimento visa reviver a economia que quase não conseguiu evitar uma recessão no terceiro trimestre.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,89 por cento, a 17.891 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,71 por cento, a 22.439 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,95 por cento, a 3.262 pontos.   Continuação...