Chefe nomeado para América do Norte deixará Volkswagen, diz fonte

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 09:15 BRT
 

HAMBURGO (Reuters) - O executivo da Volkswagen nomeado para chefiar as operações na América do Norte, Winfried Vahland, deixará o grupo VW após o escândalo das fraudes nos testes de emissão de poluentes por veículos a diesel no país, disse à Reuters uma fonte próxima ao tema nesta quarta-feira.

Vahland está de saída devido a diferenças de opinião sobre a estratégia da VW nos Estados Unidos, disse a fonte, confirmando uma informação divulgada mais cedo pela revista alemã Auto Bild.

A Volkswagen havia informado anteriormente que Vahland, atualmente chefe da unidade Skoda, iria para a administração da marca VW como parte de uma reestruturação após o escândalo que fez o presidente-executivo da empresa, Martin Winterkorn, deixar o cargo.

Fontes haviam dito à Reuters que Vahland, que também foi considerado um candidato em potencial para suceder Winterkorn, era favorito para comandar o novo Conselho criado para administrar as operações norte-americanas, que enfrentam dificuldades.

A Volkswagen não estava imediatamente disponível para comentar.

(Por Jan Schwartz)