Siderúrgicas chinesas listadas preveem prejuízos no 3º tri com sobreoferta

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 10:30 BRT
 

CINGAPURA/HONG KONG (Reuters) - As companhias siderúrgicas chinesas listadas em bolsa, como a Angang Steel e a Beijing Shougang, devem registrar prejuízos no terceiro trimestre devido à sobreoferta exacerbada pela desaceleração econômica do país.

Angang Steel, Beijing Shougang e Hunan Valin Steel esperam prejuízos líquidos de 300 milhões de iuans (47,3 milhões de dólares) a 1,2 bilhão de iuans para o período entre julho e setembro, disseram as companhias nesta quarta-feira. As três tiveram lucro líquido trimestral um ano atrás.

"No terceiro trimestre, a economia global estava lenta, enquanto o crescimento econômico afrouxou e encarou mais pressões negativas", disse a Hunan Valin em comunicado à bolsa de valores de Shenzhen.

Esta semana a Shanxi Taigang Stainless Steel disse que espera um prejuízo líquido de 763,9 a 863,9 milhões de iuans, contra o lucro líquido de 167,2 milhões no ano anterior.

Enquanto os setores relacionados à infraestrutura e imóveis desaceleraram, os principais produtores de aço da China têm olhado para os mercados estrangeiros. Em setembro, o país exportou um recorde de 11,25 milhões de toneladas de aço, crescimento de 15,6 por cento em comparação com o mês passado e 8,5 por cento acima do mesmo período no ano anterior.