China perde apelação na OMC em disputa com Europa e Japão sobre aço inoxidável

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 18:13 BRT
 

GENEBRA (Reuters) - A China perdeu nesta quarta-feira apelação na Organização Mundial do Comércio (OMC) numa disputa em que Japão e União Europeia reclamam contra tarifas antidumping impostas por Pequim sobre tubos de aço inoxidável de alta performance e sem costura.

A disputa é uma de uma série de reclamações em que a China e seus rivais comerciais mais ricos travam para protegerem suas empresas.

A China alegava que os fabricantes de tubos da Europa e do Japão, usados em termelétricas a carvão, vendiam produtos a preços abaixo do justo na China. O país havia decidido em 2012 impor uma tarifa antidumping para restringir essas importações.

Com isso, Japão e a União Europeia recorreram à OMC para protegerem companhias como Nippon Steel & Sumitomo Metal, Tubacex na Espanha e Salzgitter na Alemanha.

Porém, a decisão da OMC pode ter vindo muito tarde para reparar danos aos exportadores do Japão e UE porque não tem efeito retroativo. Desde que a disputa comercial surgiu, o crescimento econômico e a expansão da produção de eletricidade da China desacelerou fortemente.

(Por Tom Miles em Genebra e Robin Emmott em Bruxelas)