Parceria em energia nuclear entre China e Reino Unido avança, diz embaixador

quinta-feira, 15 de outubro de 2015 18:36 BRT
 

LONDRES (Reuters) - Uma negociação para que duas companhias chinesas ajudem a financiar uma usina de energia nuclear no Reino Unido teve avanços substanciais e é um dos acordos que estarão em discussão durante a visita do presidente da China, Xi Jinping, ao Reino Unido, na próxima semana, disse o embaixador chinês.

Diversos pactos devem ser anunciados durante a visita, entre 19 e 23 de outubro, mas ainda não está claro se o longamente debatido acordo para a usina nuclear de Hinkley Point vai realmente ser assinado na ocasião, disse a jornalistas o embaixador da China, Liu Xiaoming.

O projeto nuclear de Hinkley Point pertence à subsidiária britânica da elétrica francesa EDF. A China General Nuclear Corp e a China National Nuclear Corp esperam somar uma participação de 30 a 40 por cento no empreendimento, mas as negociações têm se arrastado por mais do que se esperava.

"Progresso substancial foi feito em relação à energia nuclear", disse Liu, na embaixada da China no centro de Londres. "Se haverá uma cerimônia de assinatura durante a visita, não posso dizer com cem por cento de certeza".

(Por Kate Holton)