Lucro do Morgan Stanley cai 42% com baixa das receitas de trading

segunda-feira, 19 de outubro de 2015 10:57 BRST
 

(Reuters) - O lucro do banco Morgan Stanley caiu pelo segundo trimestre seguido enquanto investidores migram para os mercados de bônus, moeda e commodities em meio a incertezas sobre o momento em que os Estados Unidos aumentará a taxa básica de juros e preocupações com a desaceleração da economia chinesa.

O Morgan Stanley, o último dos grandes bancos norte-americanos a divulgar resultados do terceiro trimestre, disse nesta segunda-feira que sua receita com operações de trading caiu 17,2 por cento, para 2,03 bilhões de dólares no período, contribuindo para uma baixa de 42,4 por cento no lucro atribuível aos acionistas.

O Morgan Stanley une-se assim aos rivais Golman Sachs Citigroup, Bank of America e JPMorgan Chase & Co ao informar resultados fracos de operação de trading, um negócio do qual muitos dele querem se afastar.

"A volatilidade nos mercados globais no terceiro trimestre levou a um ambiente difícil, afetando em particular nosso negócio de renda fixa e nosso negócio de merchant banking na Ásia", disse o presidente-executivo James Gorman em comunicado.

O lucro aplicável a ações ordinárias caiu para 939 milhões de dólares, ou 0,48 dólar por ação, ante 1,63 bilhões de dólares, ou 0,83 dólar por ação, um ano antes.

A média das expectativas dos analistas era de lucro de 0,62 dólar por ação, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S. Não estava imediatamente claro se os números eram comparáveis.

A receita líquida consolidada caiu 12,8 por cento, para 7,77 bilhões de dólares nos três meses encerrados em setembro. Excluindo ajustes contábeis, a receita líquida foi de 7,33 bilhões de dólares, abaixo das estimativas dos analistas de 8,54 bilhões de dólares.

(Por Richa Naidu)