Conselho da Petrobras aprova venda de 49% da Gaspetro para Mitsui por R$1,9 bi

sexta-feira, 23 de outubro de 2015 22:07 BRST
 

Por Marta Nogueira

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Conselho de Administração da Petrobras aprovou nesta sexta-feira a venda de 49 por cento da subsidiária Gaspetro por 1,9 bilhão de reais para a Mitsui Gás e Energia do Brasil, subsidiária integral da japonesa Mitsui, com fechamento do negócio previsto para dezembro de 2015, segundo fato relevante.

A conclusão da transação está sujeita a determinadas condições, incluindo a aprovação pelos órgãos competentes.

As informação haviam sido antecipadas à Reuters, mais cedo, por uma fonte com conhecimento direto do assunto.

Para a realização da venda, o Conselho autorizou a cisão parcial da Gaspetro, tornando a empresa uma holding que consolidará as participações da Petrobras nas distribuidoras de gás natural.

Foi criada ainda uma nova subsidiária integral da Petrobras (Petrobras Logística de Gás S.A.) com a finalidade de receber os ativos e passivos não relacionados ao negócio de distribuição de gás natural segregados da Gaspetro.

As negociações com a Mitsui foram informadas pela Petrobras em setembro, mas na ocasião ainda dependiam de aprovação pela diretoria e Conselho.

A operação integra o programa de desinvestimentos previsto no plano de negócios da companhia.

A empresa tem como meta desinvestir 15,1 bilhões de dólares no biênio 2015 e 2016, sendo 700 milhões de dólares em 2015 e 14,4 bilhões de dólares em 2016.   Continuação...

 
Funcionário pinta tanque da Petrobras em Brasília. 30/09/2015 REUTERS/Ueslei Marcelino