Governo reconhece déficit primário de R$51,8 bi em 2015, sem pedaladas, diz relator

terça-feira, 27 de outubro de 2015 15:03 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O governo vai reconhecer que terá déficit primário de 51,8 bilhões de reais em 2015, diante da frustração com receitas, e que também vai reconhecer as chamadas pedaladas fiscais, afirmou o relator do projeto de lei que altera a meta de 2015, deputado Hugo Leal, (Pros-RJ).

O deputado, que reuniu-se há pouco com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse que não tinha os valores das pedaladas fiscais, e que o governo leva em consideração receita de 11 bilhões de reais em 2015 com leilão de hidrelétricas.

(Reportagem de Marcela Ayres)