Bunge diz que desvalorização do real é desafio para companhia ao divulgar resultados

quinta-feira, 29 de outubro de 2015 10:05 BRST
 

CHICAGO (Reuters) - A multinacional do agronegócio Bunge disse nesta quinta-feira que o ambiente econômico difícil no Brasil e a rápida desvalorização do real continuam a apresentar desafios para a unidade de Alimentos & Ingredientes, conforme comunicado de divulgação de resultados da empresa no terceiro trimestre.

A companhia divulgou uma queda em seu lucro trimestral devido à fraqueza em seus negócios de açúcar, fertilizantes e alimentos e ingredientes.

O lucro líquido atribuível aos acionistas no terceiro trimestre caiu para 229 milhões de dólares, ou 1,56 dólar por ação, contra 284 milhões de dólares, ou 1,90 dólar por ação no mesmo período do ano passado.

Excluindo operações descontinuadas e outros encargos, o lucro líquido ajustado foi de 1,24 dólar por ação, abaixo do patamar de 1,31 dólar no ano passado. Analistas esperavam ganho de 1,56 dólar por ação, de acordo com levantamento da Thomson Reuters.

A receita da companhia também caiu, para 10,79 bilhões de dólares, contra os 13,68 bilhões de dólares de um ano antes -- abaixo da estimativa dos analistas de 12,64 bilhões de dólares.

O preço das ações da Bunge já recuaram por volta de 13 por cento neste ano. As ações da rival Archer Daniels Midland acumulam queda de cerca de 10 por cento.

(Por Tom Polansek)