Comissão de Orçamento só votará mudança da meta fiscal após 10 de novembro

quarta-feira, 4 de novembro de 2015 16:38 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Comissão Mista de Orçamento (CMO) só votará a alteração da meta de resultado primário de 2015 após a realização de audiências públicas na próxima terça-feira, afirmou a presidente da CMO, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES) nesta quarta-feira.

A votação ocorrerá após análise pelos parlamentares do detalhamento das chamadas pedaladas fiscais, que somam 57 bilhões de reais em 2015, conforme cálculo feito pela equipe econômica e enviado nesta quarta-feira à CMO. [nL1N12Z25S]

Também nesta quarta, a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016 na CMO foi adiada para a próxima semana.

(Reportagem de Marcela Ayres)