Índia constata violação de emissões por carros a diesel da Volkswagem

quarta-feira, 4 de novembro de 2015 20:40 BRST
 

NOVA DÉLHI (Reuters) - A Índia descobriu que carros produzidos pela unidade local da Volkswagen estão violando as normas de emissão de óxido de nitrogênio, disse uma autoridade sênior do governo nesta quarta-feira, ampliando ainda mais o escândalo global envolvendo a maior montadora da Europa.

O governo indiano descobriu uma variação significativamente maior na emissão de alguns veículos a diesel da Volkswagen e da marca irmã Audi, e divulgou uma nota com pedido de explicação, disse um secretário do Ministério de Indústrias Pesadas Ambuj Sharma.

Foi solicitado que a Volkswagen responda à notificação em 30 dias, disse Sharma à Reuters.

A empresa pode ser multada ou ter que fazer um recall dos veículos se for considerada culpada de violação das normas de emissões. O governo também pode iniciar uma ação criminal se for provado que a Volkswagen utilizou o dispositivo para trapacear os testes de emissões, disse o secretário.

A constatação vem dois meses após a Volkswagen admitir que fraudou testes de emissões de automóveis a diesel nos Estados Unidos e que até cerca de 11 milhões de veículos em todo o mundo podem conter o software ilegal que manipula os testes.

A agência de testes da Índia avaliou que os sedãs Jetta e Vento e o hatch Polo da Volkswagen, além do Audi A4, todos a diesel, violaram as normas de emissão, disse Sharma.

(Por Aditi Shah)