Aditivos de contrato da Petrobras e Braskem para fornecimento de nafta somam R$950 mi

sexta-feira, 6 de novembro de 2015 21:37 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras disse nesta sexta-feira que os dois novos aditivos aos contratos de fornecimento de nafta para a petroquímica Braskem, assinados em outubro, têm valor estimado de 950 milhões de reais.

Os dois aditivos, segundo comunicado enviado ao mercado, preveem a extensão do prazo de fornecimento de nafta por 45 dias, a partir de 1º de novembro, para as unidades da Braskem em São Paulo, Bahia e Rio Grande do Sul.

Braskem e Petrobras estão há vários meses negociando um acordo bilionário de longo prazo para o fornecimento de nafta, o que tem forçado as empresas a acertarem seguidos aditivos contratuais válidos por algumas semanas.

"A Petrobras mantém tratativas com a Braskem, buscando nessas negociações um preço de venda de nafta que reflita condições comerciais equilibradas e comutativas para ambas as companhias, referenciado aos preços do mercado internacional de derivados de petróleo", afirmou a Petrobras no comunicado.

Na quinta-feira, o presidente da Braskem, Carlos Fadigas, afirmou que as negociações da empresa com a Petrobras não estão seguindo para uma definição de uma fórmula variável, preferência da petroquímica.