CMO derruba possibilidade de abatimento de R$20 bi na meta de superávit primário de 2016 por PAC

quinta-feira, 12 de novembro de 2015 13:56 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Comissão Mista de Orçamento (CMO) derrubou a possibilidade de abatimento de até 20 bilhões de reais da meta de superávit primário do ano que vem por investimentos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), em votação nesta quinta-feira sobre os destaques ao projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016.

Com isso, a meta de superávit primário do ano que vem fica em 0,7 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) para o setor público consolidado, ou 43,8 bilhões de reais, mediante saldo positivo de 34,4 bilhões de reais para o governo central (governo federal, Banco Central e INSS) e de 9,4 bilhões de reais para Estados e municípios.

(Por Marcela Ayres)