Fed precisa "pensar com cuidado" sobre quando elevar juros, diz Dudley

quinta-feira, 12 de novembro de 2015 16:13 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - O presidente do Federal Reserve de Nova York, William Dudley, disse nesta quinta-feira que a taxa de juros de curto prazo neutra nos Estados Unidos provavelmente está tão baixa que o banco central norte-americano precisa "pensar com cuidado" sobre se é a hora certa de começar a apertar a política monetária.

Dudley, aliado próximo da chair do Fed, Janet Yellen, disse que "é bem possível que as condições definidas pelo Comitê Federal de Mercado Aberto para começar a normalizar a política monetária sejam atendidas em breve".

Dudley disse especificamente, em discurso preparado, que não vai sinalizar se espera que o Fed comece a aumentar os juros na reunião de dezembro do Fomc.

Ele disse que espera que, quando o Fed começa a apertar a política monetária, o ritmo será "bastante gradual". O presidente do Fed de Nova York disse que o risco de se mover muito rapidamente para apertar a política monetária é "quase equilibrado" na comparação com o risco de se mover muito lentamente.

A perspectiva econômica internacional parece "menos problemática do que há alguns meses", disse Dudley, apesar de ressaltar o efeito de desaceleração do crescimento chinês e os preços mais baixos das matérias-primas nos países exportadores de commodities.

Mesmo com a pressão sobre muitas economias emergentes vinda da deterioração em seus termos de troca, Dudley disse que "esse estresse ainda não parece ter provocado o tipo de ruptura do sistema financeiro que pode levar ao contágio generalizado e grandes inversões de fluxo de capital".