Bovespa fecha no vermelho com NY após bateria de balanços

sexta-feira, 13 de novembro de 2015 17:55 BRST
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou a sexta-feira com o seu principal índice no vermelho, em meio a uma nova bateria de resultados corporativos, entre eles o da Petrobras, tendo como pano de fundo perdas em Wall Street e em commodities.

O Ibovespa caiu 0,78 por cento, a 46.517 pontos. O giro financeiro totalizou 5,96 bilhões de reais.

Na semana, o índice de referência do mercado acionário brasileiro acumulou perda de 0,86 por cento.

Em Wall Street, as bolsas caíam nesta tarde, pressionadas por ações de varejistas e tecnologia, após dados frustrantes da Cisco e de redes de lojas de departamentos sugerindo enfraquecimento da demanda.

Também repercutiu brevemente no mercado brasileiro reportagem do serviço de notícias Valor Pro dizendo que a presidente Dilma Rousseff busca sucessor para o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, mas que não dará carta branca ao sucessor.

O último pregão da semana incluiu ainda repercussão do anúncio, na véspera, da revisão semianual do índice acionário global MSCI e suas subdivisões, incluindo o Brasil, que entra em vigor após o fechamento de 30 de novembro.(bit.ly/1kRXgTK)

No caso do MSCI Brasil Index, foram excluídas AES Tietê PN, Banrisul PNB, Cyrela Brazil Realty, Ecorodovias, Usiminas PNA e Via Varejo. Não houve adição de novos papéis.

  Continuação...