Cesp fecha 3° tri com prejuízo de 70 mi por vencimento de concessões e seca

sexta-feira, 13 de novembro de 2015 19:15 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A estatal paulista Cesp teve prejuízo líquido de 66,9 milhões de reais no terceiro trimestre, revertendo lucro de 373,6 milhões de reais no mesmo período do ano passado, afetada pelo final da concessão de suas maiores hidrelétricas e pela redução da produção das demais, afetadas pela seca.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da geradora paulista somou 186,67 milhões de reais, com retração de 73,1 por cento na comparação anual.

A geradora, que controlava cinco hidrelétricas no Estado de São Paulo, viu as concessões das duas maiores delas-- Jupiá e Ilha Solteira, que somam 4,9 gigawatts-- vencerem no início de julho, quando as usinas passaram a ser remuneradas por uma receita que cobre apenas custos de operação e manutenção.

Além disso, as três demais usinas, que somam 1,6 gigawatt, geraram 13,3 por cento menos energia que no terceiro trimestre de 2014.

"A produção atende ao comando do Operador Nacional do Sistema Elétrico, e reflete a decisão de reduzir a geração hidráulica como forma de proteção dos níveis dos reservatórios, afetados pela estiagem verificada na região Sudeste", disse a Cesp.

Com isso, as receitas com venda de energia caíram 32 por cento, para 705,4 milhões de reais.

A Cesp ainda teve um déficit de 91,5 milhões de reais nas operações na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), devido à necessidade de comprar energia no mercado de curto prazo para compensar a menor geração de suas hidrelétricas.

(Por Luciano Costa; Edição Gustavo Bonato)