Ações asiáticas têm mínima de seis semanas após ataques em Paris e novos dados

segunda-feira, 16 de novembro de 2015 07:49 BRST
 

Por Saikat Chatterjee e Lisa Twaronite

HONG KONG/TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas caíram à mínimas de seis semanas nesta segunda-feira na esteira dos ataques de sexta-feira em Paris e de dados econômicos fracos.

Às 7h44 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,24 por cento, mas chegou a perder 1,5 por cento --maior queda diária desde 29 de setembro. O índice havia acumulado perda de 3 por cento na semana passada.

O índice Nikkei do Japão recuou 1,04 por cento, devolvendo grande parte dos ganhos de 1,7 por cento da semana passada com os últimos dados econômicos piores do que as expectativas.

Dados divulgados antes da abertura do mercado em Tóquio mostraram que a economia japonesa voltou a cair em recessão no terceiro trimestre, contraindo a uma taxa anualizada de 0,8 por cento, comparada com a expectativa de contração de 0,2 por cento.

"A aversão a risco está em alta e estamos vendo o dólar se fortalecer em todo lugar, e isso pode continuar até o fim do ano uma vez que os dados econômicos recentes também decepcionaram", disse o chefe de estratégias de taxas e câmbio do Barclays Mitul Kotecha.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,04 por cento, a 19.393 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,72 por cento, a 22.010 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,73 por cento, a 3.607 pontos.   Continuação...