Parlamento finlandês vai discutir saída da zona do euro no próximo ano

segunda-feira, 16 de novembro de 2015 10:56 BRST
 

Por Jussi Rosendahl

HELSINQUE (Reuters) - O Parlamento finlandês vai debater no próximo ano se deixará a zona do euro, disse uma autoridade parlamentar sênior nesta segunda-feira, em um movimento que não deve acabar com a participação no bloco de moeda única, mas que destaca a insatisfação dos finlandeses com o desempenho econômico de seu país.

A decisão acontece após petição de cidadãos que conseguiu levantar as 50 mil assinaturas necessárias segundo as regras finlandesas para forçar tal debate, provavelmente a primeira iniciativa do tipo em qualquer dos 19 países membros da zona do euro.

"Haverá conferência das assinaturas no começo do próximo ano e o debate parlamentar será feito nos meses seguintes", disse Maija-Leena Paavola, que ajuda a definir a tramitação da legislação no Parlamento.

A petição busca um referendo sobre a permanência na zona do euro, mas ele só poderá ir adiante se o Parlamento apoiar a ideia.

O país nórdico sofreu três anos de contração econômica e seu desempenho atual é pior do que o de qualquer outro país da zona do euro.

(Reportagem adicional por Anna Ercanbrack)