Alcoa fecha contrato de US$1,5 bi com unidade de aviação da GE

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016 12:21 BRST
 

(Reuters) - A Alcoa disse nesta segunda-feira que assinou um contrato de longo prazo de 1,5 bilhão de dólares com a unidade de aviação da General Electric para fornecer componentes usados em motores de aeronaves.

A fabricante de alumínio irá fornecer superligas avançadas baseadas em níquel com componentes em titânio e alumínio para motores e peças produzidas pela GE.

A empresa não especificou o período coberto pelo contrato, que foi primeiramente notificiado pelo Wall Street Journal.

A Alcoa disse que fabricará as peças em seis Estados norte-americanos, assim como na França e no Canadá.

A Alcoa, que divulgará os resultados do quarto trimestre mais tarde nesta segunda-feira, disse em setembro que promoverá uma cisão da empresa, separando a unidade de aeronaves e peças de carros de suas operações de fundição, enquanto acionistas buscam retornos mais altos em meio a uma queda de preço dos metais.