Índice de Xangai fecha no menor nível desde dezembro de 2014

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016 07:46 BRST
 

XANGAI/CINGAPURA/TÓQUIO (Reuters) - Shanghai index closes at lowest since Dec 2014, breaks key support level - RTRS

As ações chinesas caíram mais de 3 por cento nesta sexta-feira, encerrando outra semana tumultuada na qual o índice de Xangai não conseguiu ficar acima dos níveis atingidos durante a crise de agosto passado, enquanto as ações asiáticas caíram às suas mínimas em pelo menos três anos e meio com preocupações dos investidores com a economia global.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 3,2 por cento, enquanto o índice de Xangai teve baixa de 3,5 por cento, caindo abaixo do nível de suporte de agosto.

Na semana, o SSEC teve desvalorização de 9 por cento, enquanto o CSI300 de 7,2 por cento.

A confiança foi atingida por dados do crédito piores do que o esperado, e os investidores aproveitaram a recuperação de 2 por cento da quinta-feira para reduzir a exposição a ações ainda mais.

No restante do continente, o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão chegou a subir brevemente mais cedo, mas às 7h41 (horário de Brasília) recuava 1,25 por cento, indo a seu menor nível desde pelo menos junho de 2012, e a caminho de acumular perdas de 3,7 por cento na semana.

O índice Nikkei do Japão também reverteu ganhos de mais cedo e fechou com queda de 0,54 por cento, ampliando as perdas da semana para 3,1 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,54 por cento, a 17.147 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,50 por cento, a 19.520 pontos.   Continuação...