Iuan se firma conforme BC continua pressionando especuladores

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016 09:31 BRST
 

Por Pete Sweeney e Samuel Shen

(Reuters) - O iuan subiu nesta segunda-feira com o anúncio do banco central da China de um novo movimento para deter a especulação com a moeda no mercado internacional, enquanto as ações tiveram modesta recuperação dos níveis próximos dos vistos durante o colapso do mercado no ano passado.

O banco central chinês disse que vai começar a implementar uma taxa de compulsório para os depósitos domésticos dos bancos que atuam no mercado internacional, em um movimento que é visto tendo como objetivo enxugar a liquidez adicional.

Um turbulento início de 2016, com os mercados de câmbio e ações despencando, aumentaram as preocupações de que as autoridades em Pequim estejam correndo o risco de perder o controle da situação com a China caminhando para o seu crescimento mais lento em 25 anos. Pequim irá revelar os dados do Produto Interno Bruto (PIB) de 2015 na terça-feira. [L2N14W0M2]

Os mercados acionários, notoriamente voláteis, da China abriram com fortes baixas nesta segunda-feira, mas reverteram seu curso, resistindo à tendência global, com o índice de Xangai e o CSI 300, das maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subindo 0,47 por cento e 0,38 por cento, respectivamente.

A moeda da China já caiu cerca de 5 por cento desde agosto, e embora muitos analistas esperem um enfraquecimento maior, as autoridades não tem permitido que a moeda desvalorize muito rapidamente.

O movimento desta segunda-feira do banco central foi visto por alguns como sendo, neste estágio, mais um aviso simbólico aos bancos, com a intenção de desencorajá-los de serem tão ativos nas negociações com iuanes, como parte de uma campanha mais ampla para deter aqueles que apostam no exterior que a moeda vai cair.

Instituir uma taxa de compulsório --requerendo que os bancos segurem um certo nível de moeda em reservas-- pode estreitar a liquidez, deixando menos iuanes aos bancos para emprestar e tornando mais caro para os especuladores apostarem contra ele.

O mercado spot abriu a 6,5800 por dólar nesta segunda-feira, e estava sendo negociado a 6,5790 posteriormente, 0,08 por cento mais forte do que no fechamento anterior. O banco central definiu um tom mais firme ao elevar a taxa referencial do iuan para 6,5590.

O iuan no mercado internacional era negociado a 6,5855 por dólar, cerca de 0,1 por cento mais fraco do que a taxa spot doméstica.