Índice europeu de ações cai pressionado por bancos da zona do euro

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016 16:39 BRST
 

Por Alistair Smout

LONDRES (Reuters) - Os bancos da zona do euro pesaram no mercado acionário europeu nesta segunda-feira, após notícias de que o Banco Central Europeu (BCE) estava investigando alguns empréstimos em atraso, levando o índice de referência do mercado para o menor patamar em mais de um ano.

O índice do setor bancário da zona do euro caiu 3,1 por cento, com operadores citando notícias publicadas durante o fim de semana, de que o BC está questionando alguns bancos sobre inadimplência, conforme avança nos esforços para resolver o grande volume de crédito ruim da região.

O índice pan-europeu FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,29 por cento, aos 1.293 pontos, após tocar a mínima em mais de um ano.

As ações de bancos também pesaram no índice exclusivo da zona do euro Euro STOXX 50, que caiu 0,6 por cento.

Alguns analistas acreditam que o BCE pode agir para fornecer mais estímulos quando voltar a se reunir nesta semana, dada a queda de 10 por cento no mercado acionário europeu devido à fraqueza nos preços do petróleo e por preocupações com a China.

Nesta sessão, as ações do espanhol Banco de Sabadell, do francês Credit Agricole e do português Banco Comercial Portugues caíram entre 4,5 e 7,8 por cento.

Os bancos italianos ficaram entre os de pior desempenho do setor, com o Banco Monte Paschi recuando 14,8 por cento, enquanto os bancos Banco Popolare, UniCredit e Mediobanca caíram de 6,7 por cento a 4,8 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,42 por cento, a 5.779 pontos.   Continuação...