J&J cortará 3 mil empregos em divisão de dispositivos

terça-feira, 19 de janeiro de 2016 15:57 BRST
 

(Reuters) - A Johnson & Johnson disse nesta terça-feira que cortará cerca de 3 mil postos de trabalho em sua unidade de dispositivos médicos nos próximos dois anos, ou cerca de 4 a 6 por cento da força de trabalho global nessa área, para economizar até 1 bilhão de dólares por ano e se concentrar em produtos mais inovadores.

Não há planos imediatos de reduzir ou eliminar produtos específicos, disse o porta-voz da empresa Ernie Knewitz. Ele não disse em quais regiões específicas ocorrerão os cortes de empregos.

"As economias nos ajudarão a desenvolver nosso negócio de dispositivos", disse Knewitz. "Isso pode envolver aquisições, mas também envolverá investimentos em nossos próprios programas internos."

As divisões da empresa de dispositivos médicos de consumo, de cuidados com a visão e de diabetes não serão afetadas, disse a J&J.

Também nesta terça-feira, a J&J reiterou sua estimativa de lucro e disse que a reestruturação na unidade de dispositivos não afetará o programa de recompra de ações de 10 bilhões de dólares.

(Por Natalie Grover em Bengaluru e Ransdell Pierson em Nova York)