Índice europeu de ações cai acentuadamente pressionado por petróleo

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016 16:21 BRST
 

Por Sudip Kar-Gupta e Danilo Masoni

LONDRES/MILÃO (Reuters) - As ações europeias tiveram queda nesta quarta-feira com o implacável declínio nos preços do petróleo atingindo os mercados globais e o principal índice europeu caindo para mínimas de 15 meses.

O índice pan-europeu FTSEurofirst 300 caiu 3,30 por cento, para 1.267 pontos, mínima desde outubro de 2014.

Preocupações sobre a economia global e a fraqueza dos preços do petróleo estão tornando as ações muito arriscadas, disseram vários operadores e investidores. Outros olharam para os bancos centrais para ajudar a acalmar os nervos.

"O estresse é alto o suficiente para disparar uma reação de autoridades monetárias para acalmar o nervosismo. E (o presidente do Banco Central Europeu Mario) Draghi pode fazer algo amanhã", disse o gestor de fundos da Anthilia Capital em Milão Giuseppe Sersale. O Banco Central Europeu fará sua reunião sobre política monetária na quinta-feira.

Os preços do petróleo perderam ainda mais território após a Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês), que aconselha os países industrializados em suas políticas energéticas, alertar que os mercados de petróleo podem "se afundar em excesso de oferta" em 2016. Em resposta, os índices de recursos básicos e de energia caíram para suas mínimas em mais de 12 anos.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 3,46 por cento, a 5.673 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 2,82 por cento, a 9.391 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 3,45 por cento, a 4.124 pontos.   Continuação...