REPERCUSSÃO-Copom mantém taxa de juros em 14,25% por 6 votos a 2

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016 21:02 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) decidiu nesta quarta-feira manter a taxa Selic em 14,25 por cento ao ano, por seis votos a dois.

Os diretores Sidnei Corrêa Marques e Tony Volpon votaram pela elevação da taxa em 0,5 ponto percentual.

No comunicado, o BC disse que a decisão foi tomada "avaliando o cenário macroeconômico, as perspectivas para a inflação e o atual balanço de riscos, e considerando a elevação das incertezas domésticas e, principalmente, externas"

Veja a seguir comentários sobre a decisão do Copom:

JOSÉ FRANCISCO DE LIMA, ECONOMISTA-CHEFE, BANCO FATOR

"Acho que houve uma inflexão ontem, então veio no que eu esperava. De ontem para hoje eu baixei (a expectativa de alta) de 50 pontos básicos para zero, porque entendi que eles não enxergavam 50 como adequado por conta da preocupação com a atividade doméstica e externa."

"Daqui pra frente a tendência é não subir mais, porque eu entendo que se o argumento deles é principalmente as incertezas externas, as incertezas externas vão se manter."   Continuação...