Prefeitura de Vitória multa Vale e ArcelorMital em R$68 mi por problemas em porto

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016 13:25 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale e a ArcelorMital foram multadas em 34,2 milhões de reais cada uma pela prefeitura de Vitória, capital do Espírito Santo, por causarem danos ao meio ambiente com suas atividades no porto de Tubarão.

A multa foi aplicada na quinta-feira, quando a Vale cumpriu decisão da Justiça e interrompeu as exportações a partir de Tubarão --responsável pelo embarque de mais de 30 por cento de sua produção-- até que tome medidas ambientais.

Em nota, a prefeitura explicou que as multas têm caráter punitivo, "mas não isentam as empresas de reparar os danos ambientais provocados".

Procurada, a Vale informou em nota que já foi notificada sobre a multa pela Secretaria de Meio Ambiente de Vitória (Semmam) e que irá avaliar as informações para se manifestar dentro do prazo estipulado pelo órgão.

A mineradora também afirmou que vem atuando e investindo em seus sistemas de controle ambiental e cumprindo "rigorosamente" a legislação ambiental vigente.

Já a ArcelorMital não pôde se manifestar imediatamente.

(Por Marta Nogueira)