Concessão de hipotecas na zona do euro é fonte potencial de estresse, diz BC europeu

domingo, 24 de janeiro de 2016 11:47 BRST
 

FRANKFURT (Reuters) - A concessão de hipotecas é uma grande fonte de dificuldades para os bancos da zona do euro, mas até agora medidas macroprudenciais vêm evitando desdobramentos negativos, disse a presidente da agência reguladora da zona do euro à Agência de Imprensa Eslovena neste domingo.

Taxas de juros ultra baixas em toda a zona aumentaram as chances de formação de bolhas de ativos, e o Banco Central Europeu já alertou que o mercado imobiliário está inflacionado.

"Uma possível fonte de dificuldades para os bancos são as hipotecas do setor imobiliário", afirmou Daniele Nouy, chefe do Mecanismo Único de Supervisão do BC europeu, em uma entrevista à agência de notícias. "Até agora não vimos quaisquer desdobramentos adversos".

Ela ainda acrescentou: "Algumas medidas macroprudenciais foram adotadas na forma da limitação da relação entre empréstimo e valor e empréstimo e renda. Isto provavelmente está ajudando".

Na quinta-feira o BC europeu elevou a possibilidade de um novo corte nas taxas e declarou que estas continuarão excepcionalmente baixas por um período longo, já que a entidade luta para elevar a inflação, que está próxima de zero.

(Por Balazs Koranyi)