Ações asiáticas fecham em alta com frio no Hemisfério Norte impulsionando o petróleo

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016 10:44 BRST
 

TÓQUIO (Reuters) - As ações chinesas fecharam em alta nesta segunda-feira, assim como o restante das bolsas da Ásia, uma vez que uma onda de frio em algumas partes do Hemisfério Norte impulsionou os preços do petróleo, aliviando a pressão de baixa sobre os mercados globais.

Os papéis da região asiática se distanciaram mais um pouco das mínimas de quatro anos atingidas na semana passada, também beneficiados com a indicação de mais suporte de política monetária pelo Banco Central Europeu (BCE), elevando esperanças de que outros bancos centrais, como o do Japão, sigam o mesmo caminho.

Na China, o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve alta de 0,5 por cento, enquanto o índice de Xangai ganhou 0,78 por cento.

Às 10h15 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 1,11 por cento.

No Japão, o índice Nikkei, que caiu para mínima de um ano na semana passada, teve alta de 0,9 por cento. Ações australianas tiveram avanço de 1,8 por cento para um pico em duas semanas.

 
Homem em frente painel de cotações em Hangzhou, China.   21/01/2015  REUTERS/China Daily