Índice europeu de ações fecha em queda de 0,7% com recuo de ações de bancos e petroleiras

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016 18:27 BRST
 

LONDRES/MILÃO (Reuters) - As ações européias caíram nesta segunda-feira, com os bancos espanhóis e italianos liderando a queda e com as ações de petroleiras perdendo terreno em meio ao recuo dos preços do petróleo.

O índice pan-europeu FTSEurofirst 300, que subiu 3 por cento na sexta-feira para registrar o primeiro ganho semanal de 2016, fechou em queda de 0,67 por cento, a 1.323 pontos. O índice agora acumula perda de cerca de 8 por cento no ano.

Ações de bancos europeus tiveram a maior queda, de 3 por cento. Os bancos italianos foram atingidos por contínuas incertezas sobre como lidarão com os empréstimos ruins. Já os bancos espanhóis repercutiram as dificuldades de formação de um novo governo na Espanha após as eleições inconclusivas do ano passado.

Depois de subirem 10 por cento na sexta-feira, os preços do petróleo voltaram a cair, levando ao recuo das ações de empresas como a BP, Total e Eni.

Os mercados acionários mundiais estão em queda neste início de 2016, em parte devido a sinais de uma desaceleração da China, segunda maior economia do mundo e uma dos maiores consumidoras de petróleo e metais.

(Por Sudip Kar-Gupta e Danilo Masoni)