Fibria reverte prejuízo e lucra R$910 mi no 4º trimestre

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016 21:38 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Fibria teve lucro líquido de 910 milhões de reais no quarto trimestre, revertendo prejuízo de 128 milhões sofrido um ano antes, informou a produtora de celulose de eucalipto nesta quarta-feira.

Contribuíram para o resultado a valorização do dólar e o aumento do preço médio, de acordo com as informações divulgadas pela Fibria.

No fechado de 2015, a Fibria lucrou 357 milhões de reais, alta de 119 por cento sobre os 163 milhões de reais um ano antes.

A receita líquida trimestral subiu 49 por cento ano a ano e encerrou o trimestre em 2,985 bilhões de reais, impulsionada pela valorização de 51 por cento do dólar médio e do aumento de 7 por cento do preço médio líquido em dólar.

As vendas de celulose caíram 7 por cento ano a ano, a 1,308 milhão de toneladas.

"Apesar da performance positiva durante grande parte de 2015, que permitiu a implementação de três aumentos de preço ao longo do ano, as vendas do último trimestre foram impactadas pela forte pressão da China sobre os preços, levando a Fibria a optar pela diminuição da sua exposição na Ásia, que ficou abaixo da média histórica", disse a empresa.

A produção de celulose recuou 6 por cento no período, a 1,297 milhão de toneladas, em função de uma curva mais lenta para estabilização após a parada e do impacto da parada programada para manutenção na unidade Jacareí, informou a Fibria.

A dívida líquida da companhia cresceu 46 por cento no trimestre ano a ano, encerrando dezembro em 11,015 bilhões de reais.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) ajustado no período foi de 1,62 bilhão de reais, alta de 79 por cento sobre o resultado nos três últimos meses de 2014.   Continuação...